sexta-feira, 26 de outubro de 2012

PANCADARIA ENTRE VEDEADORES DE BELFORD ROXO

O vereador o Markinho Gandra (PDT), e o Marcinho Bombeiro (PSL), trocaram agressões físicas e verbais nesta tarde de sexta-feira (26/10). Segundo testemunhas, Markinho Gandra discursava em sua Kombi contra o candidato a prefeito Waguinho (PRTB), afirmando que Waguinho estaria impugnado e inelegível (lembrando que todos os jornais se retrataram sobre o assunto afirmando que Waguinho está apto, e sua candidatura está legível). Ao passar pela Kombi e escutar o discurso do Markinho, Marcinho pediu para que parassem com a mentira, e começou a receber bandeiradas de pessoas que estavam na Kombi. Marquinho que estava no carona, acabou dando um soco, o veículo partiu em alta velocidade atingindo um motoqueiro que não foi socorrido, Marcinho muito indignado e agindo em defesa do motociclista interviu em favor do acidentado, novamente foi agredido e agiu em auto defesa. Marcinho Bombeiro afirma que não houve tiros e deixou sua arma com o delegado para perícia. Ambos estão na 54º DP para dar depoimentos.

-------------------------------------------------------------------------------------
Briga entre vereadores de Belford Roxo termina com tiros para o alto, diz polícia


Marcinho Bombeiro diz não ter feito nenhum disparo com a arma

Dois vereadores de Belford Roxo, na Baixada Fluminense, Marcinho Bombeiro e Markinho Grandra, envolveram-se em uma discussão nesta sexta-feira (26) em frente à rodoviária Nova Aurora, que teria terminado com um tiro para o alto. As informações são o delegado Felipe Curi, titular da Delegacia de Belford Roxo (54ª DP).
Uma testemunha disse ter visto o Marcinho fazer disparos de arma de fogo para o alto. Todos foram levados para a delegacia.
O vereador Marcinho Bombeiro foi autuado em flagrante pelo crime de disparo ilegal de arma de fogo e porte ilegal de munição. Dentro do carro dele foram encontradas munições calibre 12.
Político diz que não fez disparo
Marcinho Bombeiro afirmou que, apesar de andar com arma de fogo, não fez nenhum disparo nesta sexta-feira. Por volta de 23h, ele disse que se encontrava na delegacia para fazer exame de perícia e mostra que não há vestígios de pólvora em suas mãos. O vereador contou que brigou com Markinho ao encontrá-lo fazendo propaganda política contra um aliado dele. 
— O Markinho estava em um kombi fazendo propaganda política contra o Vaguinho. Fui falar com ele e levei uma bandeirada. Em troca dei um soco. Começar a me arrastar com o carro em movimento. Quando consegui me soltar, eles já tinham atropelado um jovem. Fui atrás dele com o meu carro, mas ele parou de repente a kombi e bati na traseira do veículo. Não atirei nenhuma vez.  
R7 tentou contato com o vereador Markinho, mas até a publicação da reportagem não conseguiu retorno
fonte: R7

3 comentários:

  1. esses são as vozes dos bairros que o elegeram? tstststs vergonha !

    ResponderExcluir
  2. Vergonha mesmo, infelizmente toda a corja já está na prefeitura. Vamos ver o que vai acontecer.

    ResponderExcluir
  3. marquinho Gandra mora em n. aurora e não faz nada pelo seu bairro, fora marquinho Gandra e dennis dauttmam

    ResponderExcluir